Fazer o que se ama e ganhar dinheiro, dá?

Role para baixo

O desejo de encontrar realização no trabalho, ou seja, um trabalho que proporcione um verdadeiro senso de propósito, e que reflita os nossos valores e personalidade, é uma invenção da modernidade.

Sim, todos os movimentos que você tem visto em prol do “Faça aquilo que você ama”, “Viva seu propósito” e até aquela vozinha interior que teima em te azucrinar dizendo que não está certo passar oito horas por dia fazendo planilhas, estão longe da compreensão da sua avó e até mesmo da sua mãe.

Para você ter uma ideia, no dicionário de Samuel Johnson publicado em 1775, a palavra fulfilment (em português: realização, satisfação) nem sequer aparecia. Durante muitos e muitos séculos, grande parte da população estava ocupada lutando para atender suas necessidades básicas de subsistência, rezando para se livrar de doenças e pragas e se recuperando das cicatrizes das guerras. 

Segundo Yuval Harari autor do best-sellerSapiens: Uma breve história da humanidade”, a luta contra a fome, as doenças e as guerras era o que nos mobilizava e ocupava boa parte dos nossos pensamentos.

Não havia tempo, e muito menos contexto, para se pensar num trabalho estimulante, que ao mesmo tempo trouxesse dinheiro, prazer e realização.

Felizmente o tempo passou, a ciência avançou ao ponto que o medo de pragas e doenças contagiosas já não nos aterroriza tanto como antigamente. Nossa geração e as gerações logo anteriores já se curaram das cicatrizes deixadas pelas guerras e a difusão da prosperidade material liberou nossas mentes de preocupações básicas, fazendo com que esperemos muito mais da aventura da vida!

Maslow já havia nos alertado: nossas necessidades mudam conforme suprimos aquelas que são urgentes. Vamos caminhando para o topo da pirâmide sempre em busca de algo que nos preencha: o estômago, o coração, a alma. 

ENTRAMOS NA ERA DA REALIZAÇÃO DA ALMA.

Pelo menos para uma parte da população. Se você está lendo esse texto, você faz parte deste grupo. Além disso, nunca tivemos na história da humanidade tantas possibilidades diante de nós.

Hoje, o avanço da tecnologia somado ao próprio desejo das pessoas de se nutrirem de tantas formas, (tecnológica, espiritual e cultural) oferecem um contexto onde um desenhista de mandalas pode encontrar seu lugar no mundo, ganhar seu dinheiro e ser muito feliz com a carreira que escolheu.

Mas então, se o contexto é favorável e esse desejo de encontrar um trabalho realizador habita em tantos corações, por que ainda é tão difícil encontrar uma carreira gratificante?

O desejo latente e a infinidade de carreiras possíveis nos dias de hoje parece que deixa este processo de busca ainda mais angustiante. Mas vamos voltar ao que eu disse no primeiro parágrafo: 

Trabalho com propósito é uma invenção da modernidade. 

Estamos fazendo história enquanto buscamos formas de nos realizar profissionalmente. Questionamos e rompemos paradigmas ao mesmo tempo que ainda não sabemos exatamente o modelo que melhor nos atende. 

Compreendemos que as antigas formas de trabalho não fazem mais sentido, mas ainda estamos inventando e testando novos modelos e formatos. Na base da tentativa e erro, do aprender fazendo, ainda pisando em ovos, começamos a navegar na Era da realização, vamos aos poucos nos sentindo mais confortáveis em ser parte dela.

É por isso que materializarmos o nosso Propósito de vida é tão importante e necessário nos dias atuais.

Em uma nova Era precisamos de novas ferramentas e Sri Prem Baba é enfático ao afirmar:

Se existe algo que pode trazer sentimento de completude para o ser humano, é a consciência do propósito da alma.

Precisamos de uma bússola que nos ajude, não apenas a navegar na Era da Realização, mas aproveitar tudo de melhor que ela tem para nos oferecer.

E esse é o papel do Propósito de Vida: uma autoafirmação que nos dá condições psicológicas para criarmos uma vida que para nós, vale a pena ser vivida.

Uma afirmação positiva que:

Nos dá motivação quando as coisas dão errado.

Nos dá rumo quando nos sentimos perdidos.

Nos dá pertencimento quanto nos sentimos isolados.

Nos dá confiança quando sentimos medo.

Nos dá esperança no futuro quando sentimos que tudo está perdido.

Pensando nisso nós criamos um treinamento básico gratuito para que você possa entender, sentir e visualizar os benefícios e a metodologia utilizada para a criação do seu propósito de vida.

>>> Você vai fazer 2 aulas, com exercícios, em que você vai aprender:

– O que é Propósito de Vida e por que saber o seu vai mudar a sua vida (para sempre).

– Entender por que descobrir seu propósito de vida impacta diretamente o seu sucesso profissional.

– Aprender o método para descobrir o seu propósito de vida: Um processo estruturado, orientado e passo a passo.

Após o curso básico gratuito, você pode seguir essa caminhada participando do treinamento avançado, de longa duração, que já foi feito por mais de 800 pessoas. Vamos te guiar passo a passo com técnicas e métodos adequados para que você possa despertar a sua sabedoria e potencialidade interior, abrir os caminhos para uma carreira gratificante e entrar na Era da Realização.

Inscreva-se abaixo para realizar as aulas gratuitas:

  

[Crédito da Foto: Andrei Coman]

 

Co-fundadora, produtora de conteúdos e facilitadora sênior dos cursos e programas do Moporã. É especialista em desenvolvimento humano nos temas: propósito de vida, transformações culturais e empoderamento feminino. Também é uma buscadora do mundo interno e externo, viajante e nômade digital.

Comments

69 Compart.
Compartilhar68
Compartilhar1
Twittar